Morar em casa ou apartamento?

Publicado em 09/04/2020 por Redator Fernando

Cada família tem sua própria rotina, características e necessidades diferentes. Existem várias situações que devem ser consideradas antes de definir se o ideal será morar em uma casa ou um apartamento. 


É preciso pensar um pouco nos anseios futuros e não somente estar preso ao passado e ao presente, pois muitas vezes, escolhemos um local para viver baseados em necessidades momentâneas, no emprego atual por exemplo, mas nossas vidas são dinâmicas, em muitos pontos inclusive até imprevisíveis. Definir o que mais lhe agrada é importante, por exemplo, você valoriza mais a tranquilidade no seu lar ou seu tempo?


É importante também pensar nas vantagens e desvantagens de cada um desses imóveis, e para isso, vamos fazer aqui um jogo de prós e contras para que você possa se decidir com mais facilidade.


Vantagens e benefícios de morar em uma casa


Morando em uma casa, você reduz a preocupação com barulho e terá mais privacidade também. Em uma casa você consegue definir suas prioridades, quando tiver que decidir onde investir para melhorar ou manter o imóvel, é você que definirá o momento em que fará uma manutenção ou reforma e em quais ambientes prefere investir primeiro caso o orçamento seja restrito e de fato fará tudo do “seu gosto”, ou seja, não terá que dividir sua opinião com vizinhos.


Normalmente em uma casa, terás um espaço externo maior, seja para ter animais de estimação, fazer uma horta, plantar árvores e curtir o quintal da forma que lhe convier.


A casa irá lhe proporcionar mais flexibilidade, é muito indicada para quem gosta de receber amigos e familiares, seja para fazer uma festa ou um churrasco.


Mas assim como todos os imóveis, a casa também possui desvantagens, e a principal delas é sem sombra de dúvidas, seu custo mais elevado tanto da “casa”, quando da sua manutenção. Se você colocar na ponta do lápis os gastos que você ocasionalmente terá para fazer manutenção da casa, além das despesas mensais com jardinagem, gastos com uma diarista (caso você necessitar de uma pessoa para lhe auxiliar), perceberá que o valor sobe de maneira considerável.


É possível que você também sinta falta de um pouco mais de segurança, pois dificilmente a casa terá uma portaria com sistema integrado que possa monitorar as redondezas.


Outra possível desvantagem quanto a optar por morar em uma casa é que normalmente impactará em sua logística diária, considerando que normalmente as casas em regiões centrais tem um custo muito mais elevado do que apartamentos na mesma região. O que é mais precioso para você? Seu tempo ou o prazer em morar em uma casa, curtir fazer e manter uma horta e o jardim por exemplo.  




Vantagens e benefícios de morar em um apartamento


Assim como a casa, o apartamento também possui seus prós e contras, e as principais características positivas de morar em um apartamento são a praticidade e a segurança.


Morando em um prédio você não fica tão exposto a visitas indesejadas, como no caso de vendedores ou pesquisas políticas. Por ser uma construção vertical você pode dormir de janela aberta sem receio de alguém invadir seu lar, evitando ter que investir em grades, alarmes, além de dormir mais tranquilo.


Quanto a praticidade, além de não ter área externa para demandar mais tempo na limpeza, você não tem o entra e sai para o quintal, garagem, gerando naturalmente mais sujeira dentro de casa. Um apartamento bem mobiliado e decorado fica aconchegante e com ambientes menores para limpar.  


Falando em valores, normalmente apartamentos tem menor custo de aquisição do que uma casa, além da economia mensal originada de taxas coletivas, a taxa de IPTU e coleta de lixo por exemplo costumam ser mais baratas do que de uma casa, afinal você divide um terreno em diversas moradias, um ponto de coleta de lixo com diversos moradores.


Outro fator predominante que é considerado como uma enorme desvantagem, mas ainda assim, quando comparada com os gastos que uma casa ainda acaba saindo mais em conta é a taxa condominial, então antes de adquirir seu imóvel, consulte seu corretor de imóveis sobre estes valores, o que de fato o condomínio oferece aos moradores e o que já está incluso nas taxas de condomínio.


Ainda sobre a taxa condominial, caso o seu condomínio ofereça infraestrutura, avalie se você irá utilizar no seu dia a dia por exemplo a piscina, academia, brinquedoteca e outras áreas de lazer, pode ser um fator muito positivo possibilitando reduzir custos extras com clube, academia, mas se você não utilizar as áreas disponíveis, se sentirá injustiçado em pagar para somente seus vizinhos usarem.